Studio de Dança Henrique Nascimento

Av. Dom Helder Câmara, 6.076
Próximo ao Condomínio ARENA PARK

CONTATOS PELO TEL.: (21)96465-5896
www.facebook.com/henrique.nascimento
Instagran: Prof.henriquenasc
Twitter: @HenriqueNasc
.........................................................................................................................................................................................................................................

Quem sou eu

Filho de família pobre, mas com muita garra para vencer na vida. Tive um pai nota 1000 e mãe 2000. Passaram por dificuldades e cresceram. Pai músico, tios e primos também. Vivi no meio da boêmia carioca: lapa e etc., acompanhando meus parentes por onde tocavam. Morávamos em Santa Tereza, Morro dos Prazeres, e eu não saia do Sumaré, Cristo Redentor e etc., pegando jaca, manga e caçando animais para a gente comer, o que era um meio de sobrevivência também.

Todos meus parentes tinham um dom para alguma coisa, aprendiam a tocar instrumentos só de olhar (ouvir), a maioria sem estudo, mas de boa educação, criados sem pai ou sem mãe. O que sou hoje é devido a esta herança genética; eu aprendo tudo sem precisar que se repita muitas vezes.

Comecei a dançar com 10 anos, estilo gafieira; meus tios dançavam por instinto e eu aprendia os vendo dançar. Aos 15 anos comecei a aprender dança de salão no clube da marinha no Méier com a professora Lurdes, e comecei a praticar nos bailes: Império Serrano com Copa 7 e Unidos da Ponte, também na Brasil Show na Pavuna. Então eu queria aprender mais, e fui em busca de algumas academias de dança no Rio, como: Carlinhos de Jesus e Jaime Aroxa, mas, não me identifiquei com a dança (eram os nomes mais falados na época) e na Estudantina com a Maria Antonieta.

Bom! Então, para minha sorte, eu dançando no Império, vi o mestre Jimmy de Oliveira dançando e gostei muito do gingado, sendo que ele já havia me visto dançar quando fui falar com ele para pedir o endereço da academia, ele me deu uma oportunidade para ser bolsista na academia, onde eu aprendi muito e cresci como dançarino. Ele me deu oportunidade para participar de um curso profissionalizante na academia, o que foi muito bom para iniciar a dar aulas e abri minha 1ª Academia de Dança em uma casa de festa na rua onde eu morava.

A dança para mim é um modo de vida, por tudo que passei, se eu não tivesse aprendido esta arte, poderia ser tudo na vida, até mesmo o presidente do Brasil, mas eu não seria feliz. A dança é tudo para mim. É um suporte de vida:

  •     à dança, muito obrigado!!!
  •     Aos meus pais: muito obrigado!!!
  •     Aos meus tios e primos, todos falecidos: “muito obrigado!!!
  •     Aos meus amigos e alunos: obrigado!!!
  •     E, ao Jimmy de Oliveira: muito obrigado por tudo!!!


Eu desejo muitas felicidades e realizações a todos que querem vencer na dança. Só não esqueçam das pessoas que te ajudaram, seja eternamente grato e não tente passar por cima de quem te fez... Jogue sempre limpo, que com certeza você vai crescer limpo. Nunca renuncie seu mestre, por nenhum motivo do mundo. Tenha sempre prazer em dizer: “eu aprendi com este velho!” E honre-o com sabedoria, sempre!

Todos nós temos um mestre,

    à professora Lurdes: Muito obrigado e BJSSSS!!!!!



6 comentários:

  1. Vim até aqui para dizer que te admiro muito, como dançarino e principalmente como pessoa. Entre bailes realizados por academias que já frequentei os seus bailes foram para mim sempre muito legais, pelo jeito como trata todos, independente de idade, que frequentam os seus bailes. Gentil e educado, ontem mesmo falei de voce com um amigo meu, que também é professor de dança. Parabéns por tudo que conseguiu, voce é merecedor.

    ResponderExcluir
  2. Grande mestre. brevemente estaremos sob sua instrução eu e meu filho.Sua peformance realmente enaltece esta arte que Deus lhe preserve o que nós agradeceremos penhoradamente. Edson passos de Oliveira e Victor Oliveira . Congratulações.

    ResponderExcluir
  3. ONDE EU TRABALHAVA FOI ASSALTADO,FIQUEI DOENTE E ME AFASTEI DO TRABALHO E DA DANÇA DE SALÃO, EM SEGUIDA MINHA MÃE FALECEU DIAS DAS MÃES, MEU PAI FALECEU DIA 31 DE DEZEMBRO, PADRINHO FALECEU NA SEMANA DO MEU ANIVERSÁRIO ETC. JÁ FAZ 3 ANOS QUE ESTOU STRESS/DEPRESSÃO E AGORA QUERO FAZER SALSA E ZOUK PARA SUPERAR ISTO, ENTÃO FUI E CHEQUEI ATRASADO SEGUNDA FEIRA EM AULA DE SALSA E ACABEI FAZENDO AULA DE DANÇA DE SALÃO E FORRÓ, TERÇA FEIRA FIZ AULA DE ZOUK, GOSTEI MUITO, HOJE QUARTA FEIRA QUANDO IA FAZER AULA DE SALSA E DEPOIS ME MATRICULAR FUI BARRADO/IMPEDIDO. ENFIM PEÇO SEU APOIO PARA FAZER AULA DE SALSA E DEPOIS ME MATRICULAR PARA SALSA E ZOUK SE POSSIVEL COM BOM DESCONTO. POR FAVOR PRETENDO SE FOR PRECISO/PERMITIDO AJUDAR EM OUTRAS AULAS.OK AGUARDO CONTATO. OBRIGADO.

    MARCELO CORTKAMP
    CEL.9322-7956

    ResponderExcluir
  4. Parabens ao seu trabalho,dedicado e muito bonito,sou ex aluna estou morando longe mais nunca esquecerei como foi bom fazer aula no studio.Fui bem recebida por você,pelos professores e senti muita falta.Sucesso na jornada.Raquel

    ResponderExcluir
  5. Lute pela arte , batalhe muito pela dança você tem condições para isso;muitos falam em fazer maravilhas em prol da dança, mais agem em benefício próprio ( já falamos sobre isso )acredito en você. Dê pouca atenção a fama e batalhe pelo sucesso , pois existem muitos famosos tristes e deprimidos; a fama invade a privacidade e esmaga a sensibilidade. Nossas familias são mais importantes que isso! Abraços; Claudio Almeida.

    ResponderExcluir
  6. Caramba!!! Eu já tinha ouvido falar no Jimmy através de um workshop que tive o prazer de fazer com o Diego Fiori e Mônica Batista aqui mesmo em Juiz de Fora.. mas fiquei sabendo de você através do Armando (seu ex-aluno e fã)que sempre cita seu nome toda vez que nos encontramos, agora, saber da sua trajetória e principalmente a valorização que imprime a seus mestres é realmente lindo de ler. Parabéns pela trajetória e tb pela humildade. Abraço.

    ResponderExcluir

Deixe aqui sua mensagem... Ela é muito importante pra mim...